Flavio Maluf destaca a importância do planejamento estratégico

Um plano estratégico é algo fascinante. Ele pode mudar os rumos do seu negócio. Pode fazer com que o seu empreendimento assuma posições antes não imaginadas. O planejamento estratégico precisa ser encarado com seriedade, visto que fará o empreendedor enxergar o seu mercado de atuação como um todo, a partir disso, deverá listar tudo aquilo que a sua empresa poderá fazer para conquistar determinada parcela do setor, destaca Flavio Maluf.

Primeiramente, defina onde você está. Quais são as principais competências da sua empresa? Elas são raras, ou podem ser facilmente copiadas pelos seus concorrentes? Como os clientes percebem o seu negócio? Quem são os líderes do seu setor, e quais são as suas principais estratégias? Essas são perguntas essenciais que você precisa fazer antes de sair por aí executando qualquer estratégia.

Em resumo, você precisa analisar o ambiente interno e externo da sua empresa. Quais são os seus pontos fortes? E fracos? Quais são as ameaças e oportunidades que o ambiente externo propicia? Essa etapa determina os diversos fatores que poderão afetar o seu negócio, destaca Flavio Maluf.

Determine onde você quer ir. Nessa etapa, defina objetivos quantificáveis, como por exemplo, o número de clientes que queremos alcançar até o final do ano. Além disso, não esqueça de definir os indicadores de desempenho, que viabilizarão o acompanhamento e controle, informa Flavio Maluf. Após determinar quais são as suas metas e objetivos, está na hora de colocar o seu plano em ação.

Como chegar lá? Nessa etapa precisamos criar o plano de ação. Cada objetivo definido contará com uma série de ações práticas, além disso, defina quem serão os responsáveis, determine prazos, recursos necessários e contabilize custos.

Existem algumas ferramentas que podem ajudá-lo em cada uma das etapas do planejamento estratégico, destaca Flavio Maluf. A primeira delas é o método SMART (Specific, measurable; attainable, realistic, time bound), que em português significa que a sua meta deve ser específica, mensurável, atingível, relevante e com prazo definido.

Para analisar o seu ambiente interno e externo você poderá usar a Matriz SWOT, que vem das palavras inglesas Strengths (Forças), Weaknesses (Fraquezas), Opportunities (Oportunidades) e Threats (Ameaças).

E para tirar o seu plano do papel e colocá-lo em ação, utilizaremos uma ferramenta de gestão chamada 5W2H, que significa What (O quê?), Why (Por quê?), Where (Onde?), When (Quando?), Who (Por quem?), How (Como?) e How much (Quanto irá custar?).

Além de analisar os ambientes que cercam a empresa, definir os objetivos estratégicos e o plano de ação, uma das etapas mais importantes do planejamento estratégico é a medição dos resultados. Verifique os indicadores de desempenho, e faça os reajustes necessários. Mantenha o seu planejamento estratégico atualizado, e se necessário, replaneje.

Segundo o SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas), um dos fatores que diminuem a taxa de sobrevivência das empresas brasileiras é a falta de planejamento, noticia Flavio Maluf.

O planejamento estratégico possibilita ao empreendedor e a todos os envolvidos, o conhecimento de cada aspecto da empresa, permitindo a eficiência em todos os processos.